Análise tática do Barcelona: 4-3-3, contra-ataque e Messi vindo de trás

O Barcelona de Luís Enrique é ligeiramente diferente do de Pepe Guardiola. O jogo do atual Barcelona é concentrado no ataque, não no meio campo. Por isso, o tiki-taka é bem menos intenso que no passado recente. Apesar disso, o time mantém a posse de bola como uma de suas características. Além disso, o time também sabe utilizar melhor os contra-ataques, marcando 25% dos seus gols desta maneira.

Veja aqui a análise tática da Final da Champions League. Juventus 1 x 3 Barcelona.



Do ponto de vista tático, o Barcelona se apresenta no 4-3-3. A defesa tem um jogador para as jogadas aéreas (Piquè) e outro de velocidade (Mascherano). Os laterais têm um papel ofensivo bastante significativo. Ambos avançam, muitas vezes simultaneamente.



No meio campo, Sergio Busquets é o primeiro-volante, mas está sempre muito próximo aos zagueiros para auxiliar na marcação, já que os laterais avançam muito, e nas jogadas aéreas defensivas e ofensivas. Iniesta e Rakitic são os armadores e também chegam na frente para finalizar. Cada um deles faz parte de um trio formado por um lateral e um atacante pelos lados. Assim, seriam Daniel Alves, Rakitic e Messi pela direita e Juan Alba, Iniesta e Neymar pela esquerda.

NEWSLETTER GRÁTIS DO ESQUEMAS TÁTICOS

Receba a Carta Tática, Newsletter gratuita do site Esquemas Táticos com atualizações e informações exclusivas





No ataque, Neymar joga aberto pela esquerda, Luis Suárez pelo centro e Messi pela direita. Atenção para o posicionamento de Messi. Como estava muito marcado por zagueiros e volantes quando jogada como falso 9 pelo centro, Luis Enrique o colocou novamente na direita, como no início da carreira. Entretanto, ele joga mais recuado, quase na mesma linha de Rakitic. Com este posicionamento, Messi atrai a marcação do adversário para seu campo e abre espaço no setor para suas arrancadas.

Números do Barcelona na Champions 2014-2015


Levantamento exclusivo do Esquemas Táticos mostra como o Barcelona marca e sofre gols na UEFA Champions League 2014-2015. O Barcelona marcou 28 gols e sofreu 10. Como já vimos na análise Juventus x Barcelona: saiba como as equipes marcam e sofrem gols. Final da Champions 2014-2015, a maioria dos gols marcados pelo Barcelona são em jogadas de ataque (71,43%) e contra-ataque (25%).

Origem dos gols


Os gols sofridos pelo Barcelona saem em jogadas de ataque do adversário (70%) e em bolas paradas (20% de escanteios e 10% de faltas indiretas).


Quanto à origem dos gols, isto é, da região do campo de onde surgem as jogadas, o Barcelona marca e sofre gols, na maioria das vezes, pela faixa central.

A maior parte dos gols sofridos tem origem pela região central do campo e em jogadas de ataque. São três gols sofridos desta maneira. Os gols pelos lados somam outros quatro, dois em cada um deles.

Quanto aos gols marcados, a maioria (61%) são de jogadas oriundas da faixa central do campo. Da direita, saem 25% dos gols e, da esquerda, 14%.



Local dos gols


O Barcelona sofre a maioria (60%) de seus gols de dentro da grande área. Os gols de fora da área (20%) e da pequena área (20%) completam os 10 gols sofridos pela equipe na atual edição da Liga dos Campeões da Europa.

Barcelona – Local dos gols sofridos
Local dos gols sofridos
Total de gols
Fora da área
2
Grande área
6
Pequena área
2
Total Geral
10


A maioria dos gols feitos pelo Barcelona são da grande área. Nada menos que 20 dos 28 gols saíram deste local. Da pequena área surgiram 6 gols e apenas 2 de fora da área.



Gols de acordo com o tempo de jogo


De acordo com o tempo de jogo, o Barcelona é bem uniforme quanto a sofrer gols. No primeiro tempo, o time sofreu 40% de seus gols, a maior parte deles (30%) nos primeiros 15 minutos. Na segunda etapa, o time sofre a maior parte dos gols (60%). O time não tomou gols nos acréscimos nesta edição da Champions League.

Barcelona – Tempo dos gols sofridos
Tempo
Gols sofridos
0-15
3
30%
16-30
1
10%
46-60
2
20%
61-75
2
20%
76-90
2
20%
Total Geral
10
100%



Por outro lado, o Barcelona também marca a maior parte de seus gols (61%) no primeiro tempo. Quando se analisa os gols marcados de acordo com o tempo de jogo, vemos que o Barcelona marcou 7% de seus gols nos acréscimos do segundo tempo, 18% nos 15 minutos iniciais e 18% nos 15 minutos finais. 




Inscreva-se no nosso canal no YouTube.

Curta nossa página no Facebook.

Adicione no Google +.

Siga-nos no Twitter.

O que achou da análise? Comente abaixo.


Share on Google Plus

Sobre Esquemas Táticos

Marcelo Costa, jornalista e mestre em Sociologia. Editor do site Esquemas Táticos e do Esquemas Clássicos (www.esquemasclassicos.blogspot.com).
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

NEWSLETTER DO ESQUEMAS TÁTICOS

Receba a Carta Tática, Newsletter do site Esquemas Táticos com atualizações e informações exclusivas gratuitas