Ceará 1 x 0 Cruzeiro. Análise tática. Campeonato Brasileiro 2010

O Ceará venceu o Cruzeiro por 1 a 0, em Fortaleza, pela 5ª rodada do Campeonato Brasileiro 2010. O esquema tático do Ceará foi o 3-5-2, com o meio-campo em losango. O esquema tático do Cruzeiro foi o 4-4-2.


Ceará




O Ceará não é um time de contra-ataque, como tem sido dito. O time normalmente se fecha no segundo tempo quando abre o placar e, aí sim, utiliza-se dos contra-golpes. Mas essa não é a postura inicial do time. O Ceará entrou em campo no 3-5-2, com os meias/volantes pelos lados (Ernandes e João Marcos) avançando alternadamente. No segundo tempo, só Ernandes teve liberdade de ir ao ataque. O lateral-direito/ala Oziel teve um papel ofensivo importante enquanto Anderson, pela esquerda, jogou como um terceiro zagueiro.

A defesa teve Heleno como zagueiro pela direita, Fabrício como zagueiro da sobra pelo centro e Anderson como zagueiro pela esquerda. Na verdade, Paulo César Gusmão colocou Anderson e Heleno marcando individualmente Thiago Ribeiro e Kléber, deixando Fabrício na sobra. A defesa foi bem e o ataque do Cruzeiro criou poucas changes reais de gol.

O meio-campo teve Michel como volante de marcação, João Marcos (direita) e Ernandes (esquerda) como meias/volantes pelos lados e Geraldo como meia-armador. O meio-campo estava desenhando em losango, com Oziel foi um misto de lateral-direito e ala pela direita, aproveitando-se do pouco aprofundamento que Fernandinho dava às jogdas no setor.

No ataque, Misael jogou bem aberto pela esquerda, explorando as subidas do lateral Jonathan. Lopes foi um meia-atacante mais centralizado no ataque.

Cruzeiro



Já tratamos aqui da tendência de se utilizar volantes em funções múltiplas. O técnico Adílson Batista é adepto dessa tendência, mas, embora conte com volantes técnicos, eles não conseguem desempenhar plenamente essas funções. Marquinhos Paraná jogou à frente de Fabinho e Henrique quando o time atacava e fazia a cobertura deles e dos laterais nos contra-ataques. Na segunda etapa, Adílson colocou Elicarlos para cobrir, mas atrás dos volantes, as subidas dos laterais, principalmente Jonathan. Deu certo e Misael sumiu do jogo. Mas o time teve pouco penetração ofensiva e quase não conseguiu finalizar com perigo contra a meta de Diego.

A defesa do Cruzeiro teve Jonathan na lateral direita, Gil como zagueiro-central, Leonardo Silva como quarto-zagueiro e Fernandinho na lateral direita. O Ceará explorou as costas de Jonathan com Misael e Fernandinho, por estar ser mais um armador pelo lado esquerdo que um lateral que vai ao fundo, deu espaço para as subidas do lateral Oziel.

O meio-campo teve Fabinho e Henrique como volantes de marcação, Marquinhos Paraná como meia/volante à frente deles e Roger como meia-atacante atrás dos atacantes. O meio-campo trocou muitos passes, mas não conseguiu ser incisivo.

No ataque, Kléber e Thiago Ribeiro foram os atacantes. Eles se revezaram para buscar jogo no meio-campo, mas foram bem marcados pelos zagueiros do Ceará e criaram poucas chances.

Leia também:

Esquema tático do Ceará. Campeonato Brasileiro Série B 2009.


Cruzeiro 0 x 2 São Paulo. Libertadores 2010.

Cruzeiro 3 x 1 Nacional-URU. Análise tática. Copa Libertadores da América 2010.

Vélez 2 x 0 Chivas. Análise tática. Copa Libertadores da América 2010.

Cruzeiro 3 x 1 Grêmio. Copa Libertadores da América 2009.

INTERATIVO: Grêmio 2 x 2 Cruzeiro. Copa Libertadores 2009.

VIDEO: Análise tática do Santos 2010.

Mande o link desta análise para o seu twitter.






Bookmark and Share
Share on Google Plus

Sobre Esquemas Táticos

Marcelo Costa, jornalista e mestre em Sociologia. Editor do site Esquemas Táticos e do Esquemas Clássicos (www.esquemasclassicos.blogspot.com).
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

NEWSLETTER DO ESQUEMAS TÁTICOS

Receba a Carta Tática, Newsletter do site Esquemas Táticos com atualizações e informações exclusivas gratuitas