Manchester United 3 x 2 Bayern de Munique. Análise tática

O Manchester United venceu o Bayern de Munique por 3 a 2, no Old Trafford, pelas quartas-de-final da Uefa Champions League 2009-2010, mas foi o time alemão que se classificou para as semifinais. Em Munique, o Bayern venceu por 2 a 1. O esquema tático do Manchester foi o 4-5-1, variando para o 4-1-4-1. O esquema tático do Bayern foi o 4-2-3-1, variando para o 4-3-3.

Manchester United



O Manchester United dominou completamente o primeiro tempo. Os primeiros seis minutos foram alucinantes, com Nani e Valência atacando muito pelas pontas e os meias Fletcher e Gibson chegando muito à frente. Mas nos primeiros minutos da segunda etapa, perdeu Rafael expulso e Rooney, machucado, deu lugar a O'Shea. O quadro da partida mudou completamente e o Bayern passou a dominar o jogo.

A defesa do Manchester teve Rafael (depois O'Shea) na lateral direita, Ferdinand como defensor pela direita, Vidic como defensor pela esquerda e Evra na lateral esquerda. Os laterais ficaram apenas na defesa, marcando os pontas do Bayern.

O meio-campo jogou bem adiantado no primeiro tempo, com três jogadores na faixa central. Carrick foi o volante de marcação e jogou atrás dos meias Fletcher (centro-esquerda) e Gibson (centro-direita). Aberto pelos lados, Nani (esquerda) e Valência (direita). Alex Ferguson utilizou muito bem seus meia centrais. Ele colocou Fletcher e Gibson adiantados, incomodando os volantes do Bayern ainda no campo de defesa alemão.

No ataque, Rooney teve o apoio dos meias abertos e dos dois meias para tabelar pelo centro. O técnico sacou Rooney (machucado) para recompor a defesa depois da expulsão de Rafael. A partir daí, o Manchester praticamente parou de atacar. E isso ainda no início do segundo tempo.

Bayern de Munique



O Bayern fez um primeiro tempo horrível. O time não teve saída de bola porque seus volantes foram marcados pelos meias do Manchester, que jogaram muito adiantados. Os laterais eram marcados pelos meias abertos do time inglês e também não conseguiam sair. A bola não chegava a Müller, Ribéry ou Robben. A expulsão de Rafael, e a entrada de Mario Gomez no lugar de Müller, que quase não tocou na bola, mudaram o cenário no segundo tempo.

A defesa do Bayern teve Lahm na lateral direita, van Buyten como defensor pela direita, Demichelis como defensor pela esquerda e Badstuber como lateral esquerdo. Badstuber é um zagueiro que, muitas vezes, joga na lateral esquerda. É uma tradição da escola holandesa colocar um lateral mais recuado. Mas Badstuber não foi bem. Lahm também ficou mais preso na defesa, marcando Nani.

O meio-campo teve dois volantes marcadores na faixa central: Schweinsteiger (esquerda) e van Bommel (direita). Müller jogou como meia-atacante avançado pelo centro, Ribéry como meia-atacante pela esquerda e Robben como meia-atacante pela direita. Os meias centrais adiantados do Manchester complicaram o jogo dos volantes do Bayern. Eles não conseguiam trocar passes e Müller, que deveria ser o responsável pela ligação com o ataque, foi engolido pela marcação de Carrick. A expulsão de Rafael deu vantagem numéria ao Bayern no setor e o time dominou no segundo tempo.

O ataque, inicialmente, teve Olic como centroavante. Com Müller jogando muito enfiado, sem buscar o jogo no meio-campo, a bola não chegou. Só com Mario Gomez (no lugar de Müller) — que tem mais porte de centroavante — e o recuo de Olic para o meio-campo, a situação mudou um pouco. Mas o jogo saiu, principalmente, pelas pontas com Ribéry e Robben.

Leia também:

Barcelona 4 x 1 Arsenal. Análise tática.

O 4-4-2 do Barcelona. Variações táticas de Guardiola.

Arsenal 2 x 2 Barcelona. Análise tática.

Milan 2 x 3 Manchester United. Análise tática.

Arsenal 1 x 3 Manchester United. Análise tática.

Internazionale 2 x 0 Milan. Análise tática.

Werder Bremen 2 x 3 Bayern de Munique. Análise tática.

Arsenal 0 x 3 Chelsea. Análise tática.

Esquema tático do Olympique de Marselha. Jogo contra o Milan.

Esquema tático do Milan. Jogo contra o Olympique de Marselha.

CSKA Moscou 2 x 1 Wolfsburg. Análise tática.

Barcelona 2 x 0 Internazionale de Milão. Análise tática.

Liverpool 2 x 2 Manchester City. Análise tática.

Everton 0 x 2 Benfica. Análise tática.

Milan 1 x 1 Real Madrid. Análise tática.

Milan x Real Madrid. Análise tática em tempo real.

Real Madrid 2 x 3 Milan. Jogo em Madri.

Chelsea 2 x 0 Liverpool. Análise tática.

Sporting 1 x 0 Hertha Berlin. Análise tática.

AEK Atenas 1 x 0 Benfica. Análise tática.

Bayern de Munique 0 x 0 Juventus. Análise tática.

Arsenal 2 x 0 Olympiacos. Análise tática.

Barcelona 2 x 0 Dínamo Kiev. Análise tática.

Esquema tático do Manchester City.

Esquema tático do Lyon.

Esquema tático do Borussia Dortmund.

Esquema tático do Bayern de Munique.

Borussia 1 x 5 Bayern. Análise tática.

Roma 1 x 3 Juventus. Análise tática.

Esquema tático do Chelsea.

Manchester United 2 x 1 Arsenal. Análise tática.

Milan 0 x 4 Internazionale de Milão. Análise tática.

Esquema tático do Milan. Jogo contra o Siena.

Esquema tático da Internazionale de Milão. Jogo contra o Bari.

Esquema tático do Barcelona.

Esquema tático do Shakhtar Donetsk.

Esquema tático do Real Madrid. Jogo contra o Rosenborg.

Esquema tático do Real Madrid com Kaká e Cristiano Ronaldo.

Esquema tático do Wigan.

Esquema tático do Liverpool.

Esquema tático do Tottenham.

Esquema tático do Atlético de Madrid.

Mande o link desta análise para o seu twitter.
Share on Google Plus

Sobre Esquemas Táticos

Marcelo Costa, jornalista e mestre em Sociologia. Editor do site Esquemas Táticos e do Esquemas Clássicos (www.esquemasclassicos.blogspot.com).
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

Paulo Silva disse...

Blog porreiro e bem estruturado!

Se quiseres da uma vista de olhos no meu:

http://portuguesesnoestrangeiro.wordpress.com/

Se houver interesse podemos fazer uma troca de links!

NEWSLETTER DO ESQUEMAS TÁTICOS

Receba a Carta Tática, Newsletter do site Esquemas Táticos com atualizações e informações exclusivas gratuitas