Liverpool 2 x 2 Manchester City. Análise tática

Liverpool e Manchester City empataram em 2 a 2 no estádio Anfield, em Liverpool, pela 13ª rodada do Campeonato Inglês 2009/2010. O esquema tático do Liverpool foi o 4-2-3-1; o esquema tático do Manchester City foi o 4-3-2-1.

Análise tática

Liverpool



O Liverpool começou o jogo no 4-2-3-1 com uma defesa reformulada, devido à ausência do lateral-direito Johnson. O lateral-direito foi Carragher, Skrtel foi o defensor pela direita, Kyrgiacos foi o defensor pela esquerda e Insua atuou na lateral esquerda. Carragher e Insua fixaram mais atrás, na marcação, e apoiaram pouco.

No meio-campo, Mascherano e Lucas foram os volantes de marcação. Lucas teve mais liberdade para apoiar, mas esteve mal tecnicamente. Abertos pelos lados, Kuyt pela direita e Benayoun pela esquerda. Gerrard foi o meia-atacante centralizado. Quando o time perdia a bola, Gerrard voltava para compor o meio-campo.

Com a bola, Gerrard transformava-se em segundo atacante. Assim, na frente, Ngog foi o centroavante, com o apoio constante de Gerrard e o apoio eventual de Benayoun e Kuyt pelos lados.

Manchester City



O Manchester City atuou no 4-3-2-1 tendo Zabaleta na lateral direita, Touré como defensor pela direita, Lescott como defensor pela esquerda e Wayne Bridge na lateral esuqerda. Bridge apoiou mais que Zabaleta, que priorizou a marcação. A defesa do Manchester City vai bem por cima e por baixo, e ainda conta com a auxílio de um volante (De Jong) que é quase um terceiro defensor.

No meio-campo, De Jong é o primeiro volante, quase um zagueiro, e joga à frente de Touré e Lescott. Barry (esquerda) e Ireland (direita) são os outros volantes, mas têm liberdade para apoiar o ataque. Wright-Phillips jogou aberto pela direita, enquanto Bellamy fez o mesmo pela esquerda.

Na frente, Adebayor foi o centroavante, contando com a chegada de Wright-Phillips (principalmente) e Bellamy. No segundo tempo, o técnico Mark Hughes abriu mão de um dos volantes (Barry) e colocou mais um atacante (Tevez). O time passou a atuar no 4-4-2 (4-2-2-2), com Tevez buscando mais o jogo fora da área e Adebayor mais enfiado.

Leia também:

Everton 0 x 2 Benfica. Análise tática.

Milan 1 x 1 Real Madrid. Análise tática.

Milan x Real Madrid. Análise tática em tempo real.

Real Madrid 2 x 3 Milan. Jogo em Madri.

Chelsea 2 x 0 Liverpool. Análise tática.

Sporting 1 x 0 Hertha Berlin. Análise tática.

AEK Atenas 1 x 0 Benfica. Análise tática.

Bayern de Munique 0 x 0 Juventus. Análise tática.

Arsenal 2 x 0 Olympiacos. Análise tática.

Barcelona 2 x 0 Dínamo Kiev. Análise tática.

Esquema tático do Manchester City.

Esquema tático do Lyon.

Esquema tático do Borussia Dortmund.

Esquema tático do Bayern de Munique.

Borussia 1 x 5 Bayern. Análise tática.

Roma 1 x 3 Juventus. Análise tática.

Esquema tático do Chelsea.

Manchester United 2 x 1 Arsenal. Análise tática.

Milan 0 x 4 Internazionale de Milão. Análise tática.

Esquema tático do Milan. Jogo contra o Siena.

Esquema tático da Internazionale de Milão. Jogo contra o Bari.

Esquema tático do Barcelona.

Esquema tático do Shakhtar Donetsk.

Esquema tático do Real Madrid. Jogo contra o Rosenborg.

Esquema tático do Real Madrid com Kaká e Cristiano Ronaldo.

Esquema tático do Wigan.

Esquema tático do Liverpool.

Esquema tático do Tottenham.

Esquema tático do Atlético de Madrid.

* Fiz a mesma análise para o blog português Portal Futebol, onde podem ser encontradas notícias de clubes europeus e as capas dos principais jornais da Europa.

Mande o link desta análise para o seu twitter.
Share on Google Plus

Sobre Esquemas Táticos

Marcelo Costa, jornalista e mestre em Sociologia. Editor do site Esquemas Táticos e do Esquemas Clássicos (www.esquemasclassicos.blogspot.com).
    Blogger Comment
    Facebook Comment

3 comentários:

Eduardo Junior disse...

Marcelo, agora no Europa Football, temos a escolha da dupla de zaga na Seleção Europa Football, é só acessar http://europafootball.blogspot.com/ e votar, Abraços.

julio disse...

o desenho ta errado o babel esta no lugar do lucas, outra coisa o city jogou no 4-1-4-1 e ñ no 4-3-2-1, uma vez que ireland e barry jogavam em linha com philipps e bellamy sendo responsáveis mais pela armação do que pela marcaçao ...de jong foi o carregador de piano...e phillips e bellamy fechavem os cantos qdo o city se defendia

Esquemas táticos disse...

Olá Eduardo e Júlio. Participarei da enquete com prazer. Já está corrigido o nome e o número do Lucas. Obrigado pelas observações.

Abraços,

Marcelo Costa.

NEWSLETTER DO ESQUEMAS TÁTICOS

Receba a Carta Tática, Newsletter do site Esquemas Táticos com atualizações e informações exclusivas gratuitas